25 maio 2016

CASA COR chega a 30 edições celebrando a arte de morar

Deixe seu comentário aqui!

O charmoso Jockey Club de São Paulo recebe, entre este mês e o dia 10 de julho, a maior mostra de paisagismo, design e decoração da América do Sul. Comemorando sua 30ª edição, a CASA COR 2016 nos é apresentada como uma celebração à casa e à vida. Além de apresentar tendências, novidades e servir como plataforma para o lançamento de produtos do segmento de arquitetura, a mostra une profissionais diversos – de empresários e industrialistas a lojistas e arquitetos – com o objetivo de impactar os visitantes da feira e o mercado em geral.

JoanaRequiao

Em festa para sua 30ª edição, a CASA COR 2016 tem como tema principal a arte do morar brasileiro e quer ajudar a criar experiências que transformem o casa em um espaço de celebração. Um dos motes da mostra é a sustentabilidade: é incentivada a realização de obras mais limpas, que evitem o desperdício e reaproveitem os resíduos.

Uma novidade interessante neste ano é a utilização do prédio do Ambulatório do Jockey, construção que foi erguida no início do século XX pelo arquiteto francês Henri Paul Pierre Sajous. O ambulatório foi restaurado para uso da CASA COR e, a partir de 2017, será tombado e entregue para uso do Jockey Club.

casa_cor_ambulatório_jockey_01

Mais enxuto em número de ambientes, o evento está mais criterioso. As ideias, os ambientes, o uso da iluminação são pontos fortes. Confira alguns destaques!

David Bastos – “Living da Praia”

Em uma sala de convivência de 55 m² que possui três ambientes integrados (bar, varanda e living), David Bastos criou um clima leve e aconchegante, com espaços amplos para descansar. A atmosfera é atemporal, harmonizada pela mistura entre o estilo contemporâneo e a rusticidade e elegância da madeira nobre que reveste as paredes e está presente em outras peças e detalhes pontuais.

DavidBastos

Roberto Migotto – “Tributo aos 30”

Elegância e glamour são as marcas do living assinado por Roberto Migotto. O nome do espaço remete à década de 1930, tempo do designer francês Jean- Michel Frank. Com o sócio Ricardo Minelli, Migotto criou um ambiente contemporâneo e relaxante, com a maioria dos móveis sendo composta por peças da sua nova coleção, lançada nesta edição da CASA COR.

RobertoMigoto

Dado Castello Branco – “Living e Jardim de Inverno”

O arquiteto dividiu 120 m² em dois ambientes em espaços com multifunções: há uma biblioteca com escrivaninha e um espaço de leitura com café, que oferecem momentos de relaxamento no terraço. Para priorizar o conforto e o bem-estar, foi usada uma paleta de cores que traz sobriedade e tranquilidade. A presença de luz natural também é bastante aproveitada no espaço e o mobiliário vai do moderno ao contemporâneo.

DadoCasteloBranco

Patricia Anastassiadis – “Gabinete de Criação”

O ambiente é inspirado na mãe da arquiteta, Dora Openheim, escritora, artista plástica e designer de moda. Para resgatar a história do lugar, que funcionava como ambulatório, a arquiteta preservou ao máximo a arquitetura do prédio. Patricia espera proporcionar aos visitantes uma memória afetiva do patrimônio. Destaque para a cristaleira e composição de mesas de pedras brasileiras, desenhadas exclusivamente para a mostra. A inspiração para a paleta de cores foi a casa do designer de moda Mariano Fortuny, em Veneza. Todo o piso do ambiente, assim como o teto, possui revestimento de madeira com paginação escama de peixe.

PatriciaAnastassiadis

Brunete Fraccaroli – “Casa da Sissi”

Em uma homenagem a sua companheira de 16 anos, a cadela Sissi, a profissional apresenta, em 13 m², um projeto distribuído em espaço gourmet, living, suíte máster e closet, todos ricamente detalhados em nuances de cinza, seguindo as tendências de Milão. Outra novidade é que a maioria dos móveis que compõem o espaço foi impressa em 3D.

BruneteFraccaroli

Curtiu? Não perca os highlights das principais tendências na próxima semana! Fique de olho!

Sem comentários para “CASA COR chega a 30 edições celebrando a arte de morar”

Deixe seu comentário